Banner Topo
Presidente participa de reunião sobre MCMV | CRECI-GO/ Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Goiás
Notícias
Presidente participa de reunião sobre MCMV | CRECI-GO/ Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Goiás Presidente Eduardo Britto, ladeado à esquerda pelo presidente da Aceg, Fábio Candini, e à direta pelo corretor e diretor da Aceg, Henrique Estevão
23 Maio 2019 10:29

Presidente participa de reunião sobre MCMV

Programas de habitação foram discutidos por parlamentares e autoridades

No início da última semana, o presidente do Creci de Goiás, Eduardo Britto, compareceu a reunião da Associação dos Construtores do Estado de Goiás (Aceg) para discutir alternativas para o destravamento do Programa Minha Casa, Minha Vida, a convite do corretor de imóveis Henrique Estevão (diretor da Aceg).

O evento contou com as presenças dos deputados federais da bancada de Goiás, Adriano Avelar, Flávia Morais, Francisco Júnior, Rubens Otoni, José Nelton, entre outros; do corpo diretivo da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil; e os presidentes da Aceg, Fábio Candini; da Acan, Longuimar José de Souza; e conselheiro da Ademi Goiás, Renato Sousa.

A iniciativa discutiu sobre os repasses dos recursos da faixa II do programa habitacional. De acordo com a Associação, cerca de três mil contratos estão a espera da verba do Governo Federal. Como em Goiás, de cada quatro obras realizadas, uma se enquadra no MCVM, a demanda tem sido maior que o repasse, calculado sobre o defict habitacional, considerado defasado pelo segmento.

O presidente da Aceg, Fábio Candini, ressaltou a importância da participação do Conselho, uma vez que a situação tem impacto direto na categoria. “Os corretores também estão sendo afetados porque a cadeia produtiva está quebrada. Como não temos recursos para entregar até casas prontas e  vendidas, não conseguimos inicializar novas. Os corretores estão ficando sem imóveis novos para vender, e até mesmo se conseguirem vender, não conseguem receber suas comissões”, disse.

Ao final do encontro, foi acordado o envio de uma proposta concreta e pontual a ser encaminhada pelos deputados  ao ministro do Desenvolvimento Regional,  Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto, solicitando imediatamente o repasse das verbas às instituições bancárias.

Comunicação do Creci de Goiás

 
  VOLTAR